Contador

domingo, 29 de agosto de 2010

A MESA BICUDA ASSUME A LIDERANÇA!

O assumir da liderança começa em sua casa e contagia o mundo.


Mais uma Mesa Bicuda decorreu no passado dia 26 no Kings Klub sob o tema da Liderança em África. Nesta Mesa o convidado foi Luis Jimbo que esteve recentemente com o Presidente Barack Obama para o Encontro de Jovens Líderes Africanos. Neste breve diálogo ficou claro que a Liderança é fundamental no processo de desenvolvimento de Angola, através de jovens com criatividade, autoconfiança, espírito de sacrifício e voluntariado. Destes jovens dependerá o tipo de nação que teremos daqui a 50 anos: Inovadora? Dinâmica? Empreendedora? Com uso de novas tecnologias? Oportunidades para todos? Liberdade de Expressão? Qualidade de ensino? Envolvimento na boa governação? Transparência? Tudo depende de cada um de nós!
O cenário actual de um mundo de crise e falta de oportunidades não é desculpa para alguém que acredita nos sonhos e em si. Um Líder constrói visões e torna-as realidade, ao mesmo tempo, que inspira outros a serem mais.
Embora a realidade presente de falta de emprego, fome, não acesso ao ensino, extrema violência, roubos, assaltos e pobreza extrema nos levem a acreditar que não existe esperança, a verdade é que não são razão para se desligar da vida e aceitar o facilitismo como solução. Não há razão para desistir, roubar ou viver uma vida de ostentação perante tanta miséria, pois dessa forma, é viver sem visão. Opte, antes, por assumir a responsabilidade da sua vida ultrapassando os desafios e servindo o próximo, para que todos possamos ter um futuro próspero.
A verdade, e como diz o Barack Obama, não há desculpas para não desfrutarmos de uma África de sucesso. O momento é agora e todos temos de assumir a Liderança! Outros jovens já o fazem como:
Movimento Lev’arte, Lukeny Bamba, Joel Sérgio, Luís Jimbo, Kool Klever, Pedro Bélgio, e outros.

Projecto Líderes Voluntários
O interesse suscitado por este diálogo levou a que espontaneamente se criasse um projecto ambicioso que pretende a “construção de uma geração angolana de jovens com visão e auto-confiança que serão os actores principais no processo de desenvolvimento do País, África e do Mundo”.
Assim, considerou-se como principais objectivos:
Capacitar líderes e espírito de voluntariado;
Criar redes de Líderes e voluntariado;
Promover intercâmbio e solidariedade entre jovens líderes voluntários a nível nacional/internacional.
De todos depende o futuro do nosso País: Assuma a Liderança!
O assumir da liderança começa em sua casa, na sua rua, no seu bairro e no seu trabalho…e contagia o mundo.


Lueji Dharma / Movimento Lev’Arte

sábado, 21 de agosto de 2010

Dia 26 de Agosto Mesa Bicuda aborda a visão de Barack Obama para África


MAIS UMA MESA BICUDA!!!!


A próxima Mesa Bicuda contará com a presença de Luís Kandangongo Jimbo que esteve recentemente no Encontro de Líderes Africanos promovido pelo Presidente Barack Obama nos EUA.

Nesse encontro Luís Jimbo ouviu o discurso Barack Obama sobre o Papel de África e dos Africanos no Mundo; Neste discurso Barack Obama incita os Africanos a permanecerem fiéis a si mesmos e aos seus sonhos no seguimento dos desafios que vão enfrentando! E é a estes Africanos que Barack Obama diz que os EUA estão dispostos a apoiar...

Uma Mesa onde se falará, também, da importância do Voluntariado na Construção da Nação, do papel de todos nós na construção de uma África democrática e no Papel de África num mundo Global e interligado.

Imbuído de espírito democrático Luís K. Jimbo falará sobre:

Qual a Visão de Barack Obama sobre África?
O Voluntariado como processo de construção de uma nação!
Soluções para os desafios existentes? HIV Sida/ Corrupção/
Qual o papel de África no Mundo Global e interligado de hoje?
O Papel da diáspora em África! Porquê arriscar regressar?



É neste clima de esperança para uma África Melhor que a Mesa Bicuda propõe mais um tema e faz um convite a todos os que querem contribuir para um mundo melhor!

Mais informação:

http://www.america.gov/st/democracyhr-french/2010/July/20100802121459x0.8340505.html


PS: Repasse esta informação a outros amigos da Arte e da Cultura

Lueji Dharma
Nzambi é Amor
Fé e esperança numa África de paz!

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Bom Português na Mesa Bicuda com José Carlos de Almeida

Realmente esta Mesa começa a tornar-se Bicuda. E o tema da Língua Portuguesa no seio de escritores e poetas alvoraçou a multidão. José Carlos de Almeida deu ensaboadelas e enxaguadelas ao público com correcções de Português que nos levaram a questionar o simples:
"Obrigado" e "Obrigada",
"Pilão" ou "Pilau";
"Mais" ou "Mas";
"Tou a vir" ao "Estou a ir"
"lhe" ou "a"/"o".


José Carlos Almeida deixou-se entusiasmar pela retórica e vociferou com sentimento a defesa do Bom Português e dos Comportamentos de Etiqueta! Pois é! Há situações que este autor defende ser inadmissíveis, especialmente, para pessoas que de alguma forma têm acesso à formação.

Realmente quando os nossos jornalistas, professores, escritores e apresentadores de televisão são os primeiros a expressar-se com erros ortográficos torna-se complicado reverter o processo de desqualificação do português. No entanto, é necessário fazer-se um esforço de correcção para que todos possamos "falar a mesma língua".

O Acordo Ortográfico segundo autor embora com grande cunho do português do Brasil é uma forma de garantir o acompanhamento da evolução da língua.

Concorde-se ou não, José Carlos de Almeida apresenta-nos um livro polémico que vale pelo alerta que deixa: Vamos ter mais atenção ao português e ao comportamento. O autor defende: "Nada de andar na rua com uma perna de frango na boca e descamisado!"

Um livro que será lançado na Chá de Caxinde no dia 2 de Setembro e que merece total apoio.

sábado, 14 de agosto de 2010

Mesa Bicuda é mais cultura!





A ignorância é a mãe de muitos males!
Só na ignorância cresce a intolerância.

Um abraço,

Lueji

19 de Agosto / Mesa Bicuda - Bom Português




Depois de uma Mesa Bicuda super - interessante, a próxima não ficará atrás. Teremos o escritor José Carlos Querido a dialogar sobre Bom Português.

Não falte a mais uma Mesa Bicuda!

Um abraço,

Lueji Dharma

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

A Verdade, Bondade e Necessidade - Sócrates

"AS TRÊS PENEIRAS – Por Planeta Voluntários

Um rapaz procurou Sócrates e disse-lhe que precisava contar-lhe algo sobre alguém.

Sócrates ergueu os olhos do livro que estava lendo e perguntou:

- O que você vai me contar já passou pelas três peneiras?

- Três peneiras? - indagou o rapaz.

- Sim ! A primeira peneira é a VERDADE. O que você quer me contar dos outros é um fato? Caso tenha ouvido falar, a coisa deve morrer aqui mesmo. Suponhamos que seja verdade. Deve, então, passar pela segunda peneira: a BONDADE. O que você vai contar é uma coisa boa? Ajuda a construir ou destruir o caminho, a fama do próximo? Se o que você quer contar é verdade e é coisa boa, deverá passar ainda pela terceira peneira: a NECESSIDADE. Convém contar? Resolve alguma coisa? Ajuda a comunidade? Pode melhorar o planeta?

Arremata Sócrates:

- Se passou pelas três peneiras, conte !!! Tanto eu, como você e seu irmão iremos nos beneficiar.

Caso contrário, esqueça e enterre tudo. Será uma fofoca a menos para envenenar o ambiente e fomentar a discórdia entre irmãos, colegas do planeta"

Mesa Bicuda - Arte do Engano na Televisão


Arte do Engano na Televisão!
João Melo de Sousa e Lueji Dharma


João Melo de Sousa ao longo da sua carreira diversificada teve hipótese de experimentar o mundo televisivo através do Porto Canal. Desde essa altura, desenvolveu um sentido crítico e de análise em relação ao mundo da TV. É a sua visão que ele partilhou connosco na Mesa Bicuda em mais uma Quinta Feira da Poesia no Kings Klub.

Construção de cenários e imagens!

A televisão constrói cenários e imagens que são apreendidas como verdades absolutas mas sem, desprimor para a televisão, o telespectador deverá conhecer mais profundamente para distinguir a verdade televisiva da realidade.

Verdade televisiva diferente de realidade!

Os fazedores de notícias e programas têm formatos que devem obedecer e criar para conseguirem passar a mensagem de forma interessante e esteticamente apelativa, mesmo que isso desconstrua totalmente a realidade. Por exemplo, para fazer com que um telejornal se torne mais apelativo a redacção recorre aos directos. É conhecido o caso de um famoso jornalista que dizia estar em directo de Bagdad na altura da Guerra do Iraque, quando se encontrava num hotel. Com as luzes certas, a maquilhagem ideal e com as imagens de fundo de uma guerra ninguém duvidou!
A verdade é que a televisão pode criar o cenário que se quiser e fazer-nos crer que é a realidade.

Responsabilidade da notícia…
Uma redacção de um telejornal recebe inúmeras notícias diariamente. E dessas notícias é necessário em tempo record destrinçar o que é notícia, do que é boato, e a sua importância em termos globais. Para que se garantisse a fiabilidade da notícia era necessário que os jornalistas fossem averiguar a história e fazer uma peça jornalística da mesma no menor tempo possível. Tal implicava custos desmedidos e ao mesmo tempo o telejornal poderia ficar esvaziado de conteúdo. Nesse sentido os meios de comunicação viram-se desde muito cedo obrigados a recorrer às agências noticiosas.

As agências noticiosas…uniformização e validação da notícia
A abertura de uma notícia em geral, e especialmente se for bombástica, começa por: “Segundo a Agência Noticiosa...”. Esta foi a forma que as redacções encontraram de se salvaguardar e de, ao mesmo tempo, conseguirem ter os telejornais munidos de informação validada. Estas agências possuem agentes em quase todos os pontos do mundo e fazendo uso das novas tecnologias conseguem manter uma base de dados de informação jornalística actualizada.

Um exemplo clássico de como ter um conhecimento das técnicas televisivas pode ser decisivo para umas eleições! Caso Nixon versus JFK
O célebre caso do debate televisivo Nixon versus JFK considerado pelos analistas políticos como o factor decisivo das eleições demonstra que uma imagem vale mais que mil palavras. Com uma imagem bem tratada e bronzeada, com maquilhagem adequada e um fato de Verão Kennedy venceu um Nixon desmaquilhado, desgastado por uma doença e transpirado pela combinação da temperatura elevada do estúdio e o fato de Inverno. O desconforto da imagem de Nixon perante um jovial e confiante Kennedy foi mais importante que a experiência de Nixon. E desde essa altura, a Televisão tem mantido acesa a chama dos debates televisivos em eleições.

Quanto ao Lev’Arte e a sua imagem como programa de entretenimento poético e cultural…
João Melo de Sousa não deixou de tecer elogios à performance deste Movimento. E especialmente destaca-se claro o papel do apresentador Kiokamba que mantém e faz a ligação entre todas as intervenções com elevada criatividade humorística.

Mais uma Mesa Bicuda!
Lueji Dharma / Nzambi é Amor
12 de Agosto de 2010.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Liberdade




Voar rumo à Liberdade

Vim do abstracto
No nada com que nasci
Vim sem submissão
Vim sem servidão
Num choro de determinação
A Vida foi força-motriz
que busquei por instinto
a sobrevivência!
Naturalmente me fiz gente
com Querer e Vontade
busquei informação
que tranformei em conhecimento
e encontrei Heteronomia
e na divergência moral
no encontro das regras
perdi-me e desequilibrei-me
obedeci ao meu Eu condicional!
Faltei-me!
Sem desistir superei-me!
das condições condicionantes
expus interrogações preocupantes
quis autonomia
decidir com conhecimento
sem o próximo ferir
percebi!
ser livre sem ferir
ser Livre é SER!
é desejo vindo do coração
numa Verdade do ser Inteiro
Pleno de Amor pelo EU
que se vê reflectido
na sabedoria
de quem equilibra
o Físico - Químico
O Biológico e Psicológico
Num voo espiritual
que alcança a supremacia
de gritar Eu Sou
num caminho de autorealização
de quem vive com o coração
repousando na lógica da razão
e na responsabilidade da acção
porque Eu SOU o Que SOU!

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

5 de Agosto - Mesa Bicuda com Joel Sergio e Ivandra Ferreirae




Próxima Mesa Bicuda faremos uma incursão no mundo das drogas com os autores do Livro Cartas a um Viciado...


Lueji Dharma

Cartas a Um Viciado