Contador

terça-feira, 10 de novembro de 2009

11 de Novembro de 2009

Hoje senti uma ansiedade inquietante...como se a minha alma se desligasse do corpo e estevisse ausente num passado distante. Acordei às 6 horas e agora são 7 horas! A tal ausência de mim fez-me procurar letras e palavras que completassem esse vazio em mim. Lembrei-me como sempre de escrever. E cá estou eu com uma chávena de café na mão a celebrar a Independência. Aqui perante o meu portátil, com uma placa de internet escrevo para uma rede universal. Este acto é por si Liberdade! Escrever! E Publicar numa rede! Sem qualquer maka...sem qualquer interferência é Liberdade. Uma liberdade conquistada por muitos em todo o mundo. E hoje, porque escrevo em liberdade, sinto responsabilidade em homenagear esses heróis públicos, conhecidos, desconhecidos, reconhecidos e injustamente não reconhecidos que de alguma forma contribuíram para que a nossa sociedade desse mais um passo, um gigantesco passo, no sentido da Humanidade! Que esse passo nunca encontre a rectaguarda! Que a Humanidade nunca regrida!

E nesta altura o meu pequeno e modesto blog celebra 11º seguidor do blog. A 11 do 11 consegui o 11º seguidor. Agradeço ao António Pereira a sua boa vontade em se adicionar, após uma ligeira dose de insistência minha.


Neste dia declaro solenemente defender Liberdade e procurar a Verdade...nem que seja em mim e a minha. A mudança começa em cada um de nós!

Viva Liberdade do Povo/Homens Oprimidos

2 comentários:

agostinhonunes disse...

Como observador à distância, aprecio a tua coragem e forma de comunicar com o mundo. Sabes aproveitar as TI para declamares o que te vai na alma e tornares imortal a história de um país que, só com a teimosia de alguns como tu, a lume brando, não deixam esquecer os feitos de um povo que merece ser recordado.
Força Lueji.

Lueji - Rainha da Luz disse...

Um muito obrigado. Desistir já não é opção! Poesia é revolução